terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Hospital pede ajuda

Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes busca ajuda para manter trabalho que realiza há cerca de 40 anos em Presidente Prudente e região

            Hoje (25/2) o presidente da entidade, Walter Luiz Ricci, o diretor administrativo, Mauro Galhiane e o deputado estadual, Mauro Bragato, estão em São Paulo em uma reunião na Secretaria de Saúde do Estado buscando uma negociação e um acordo para a situação.

            O motivo do pedido está diretamente ligado à falta de recursos. O objetivo da entidade é se transformar em um Centro Integrado de Saúde Mental de acordo com o que prega a atual política do Ministério da Saúde, entre os projetos estão o atendimento a partir de Residências Terapêuticas, Ambulatório, Internação e uma Unidade de Álcool e Drogas. 

            “As transformações não são possíveis sem recursos”, afirma o presidente da entidade, Walter Ricci. O Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes tem um déficit mensal de mais de 200 mil reais. Para manter o trabalho a entidade pede a ajuda da comunidade a partir de doações, mas o trabalho do serviço de telemarketing é insuficiente.

            No último dia 17/2 o Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes protocolou junto a DRS XVI (Departamento Regional da Saúde) um pedido de descredenciamento junto ao SUS (Sistema Único de Saúde).

            As negociações tiveram início desde o dia 13 de agosto de 2013, até o momento sem resolução do problema a situação está se tornando insustentável para a entidade.


            Além de pessoas com transtorno mental o hospital atende também dependentes químicos, além de Presidente Prudente outras 45 cidades da região a partir de convênio com o SUS.

Por: Cleber Benvindo
(Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa do Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes de Presidente Prudente)