segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Hospital realiza exposição fotográfica

           
A exposição é realizada na sala de visitas da entidade
 É realizada desde quinta-feira (24) no Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes de Presidente Prudente uma exposição de fotos.

            Com o título “Eu e o Bezerra: uma foto, uma história”, a exposição tem por objetivo divulgar a partir de fotos, as festas, os eventos e principalmente as amizades na entidade.

            Segundo a auxiliar de enfermagem, Sarita Barbara, a exposição motiva os familiares e os colaboradores. “Eu achei legal porque a partir dessa exposição às pessoas podem conhecer mais o hospital as atividades e também os outros setores.”


            A exposição é gratuita e atualmente conta com cerca de 20 fotos que ficarão expostas até o dia 15 de novembro na sala de visitas da instituição. O local foi escolhido para que as famílias, nos horários de visitas também tivessem acesso.

Por: Cleber Benvindo
(Assessoria de Comunicação do Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes)

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Hospital promove Dia da Família

Cerca de 150 pessoas participaram do evento
Com o objetivo de resgatar a afetividade e a interação dos pacientes com a família, cerca de 150 pessoas participaram na manha de hoje (22), do Dia da Família no Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes de Presidente Prudente.

             O psicólogo, Guilherme Simonsem, lembrou os familiares da importância da participação delas acompanhando o tratamento. “A participação da família é um incentivo a mais para a recuperação dos nossos pacientes.”

            Já a assistente social, Izabel Santelo, reforçou o compromisso do hospital em buscar a melhoria da qualidade do atendimento prestado aos usuários, levando em consideração sempre o atendimento humanizado.

            O Dia da Família faz parte do calendário de atividades terapêuticas do hospital e das comemorações da semana de aniversário da entidade que na sexta (25), comemora 38 anos.

Por: Cleber Benvindo
(Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa do Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes)

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Bezerra comemora 38 anos

            O Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes de Presidente Prudente comemora esta semana seus 38 anos, e para marcar a data estão programados diversos eventos.

            Hoje (21), às 13h, haverá a abertura das comemorações, com a presença do Coral Amélia Bazan. O coral é formado por voluntários da associação que mantém o hospital.

            Na terça-feira (22) haverá o Dia da Família. O evento que acontece cerca de três vezes no ano tem por objetivo a presença das famílias no hospital.

                        De acordo com o psicólogo, Guilherme Simonsem, os familiares que tiverem pacientes internados na instituição estão convidados a participar. “As famílias podem conhecer melhor a instituição os profissionais e principalmente participar do tratamento”. Desta vez o tema debatido será "mudanças".

            Já na quarta-feira (24) haverá exposição de fotos. Com o nome “Eu e o Bezerra: uma foto uma história”, os colaboradores poderão conhecer os colegas de trabalho a partir de fotografias que lembram diretamente os profissionais e a história da entidade.

            Na quinta (25) é a vez dos pacientes, eles terão um dia diferente, com gincanas e torneio de sinuca e videoke. O evento começa a partir das 9h no salão da Terapia Ocupacional.


            O evento termina na sexta-feira, com um café especial com os colaboradores.

Por: Cleber Benvindo
(Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa do Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes)

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Dia do Médico: profissionais contam os desafios e as realizações

Esses são alguns dos médicos da instituição, no total são mais de dez
            Hoje se comemora o Dia do Médico. No Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes atuam cerca de 10 médicos que atendem pacientes que procuram tratamento na instituição.

            São manhãs muito agitadas, com diversos atendimentos, sempre um ou outro paciente querendo atenção ou cuidado. Embora cada qual tenha sua particularidade existe algo em comum, a maior motivação de todas elas é ver a melhoria da qualidade de vida dos seus pacientes. 

Veja o depoimento de algumas das médicas psiquiatras do hospital:

Na foto (da esquerda para a direita), as médicas psiquiatra, Tathiana Del Poço,
Stephanie Maniçoba, Michelle Salione e Samara Cristina 

Michelle Salione trabalha há cinco anos no hospital e tem oito anos de profissão

            Escolhi ser médica para ter mais conhecimentos e principalmente entender as situações da vida, melhorando a qualidade de vida de outras pessoas.

            O desafio hoje de um médico é manter a serenidade e nunca esquecer os valores pelos quais jurou. Todos os dias o que me motiva é o muito obrigado de um paciente ou familiar, isso pra mim é muito gratificante.

Tathiana Del Poço tem oito meses no hospital e quatro anos de profissão

            Desde criança quis ser médica, principalmente devido ao contato pessoal, acho que nasci para isso mesmo.

            O que mais me motiva é ver a melhoria dos pacientes, saber que eu tive participação e pude fazer a diferença, principalmente quando você ameniza a dor.

            Lembro que ainda na faculdade comecei a ter afinidade com a psiquiatria, descobri que existe mais área do que a cirúrgica. A Saúde Mental é uma área interessante, principalmente porque requer o amor e a paixão pelo que faz.

            Sei que os desafios são muitos, talvez o maior deles seja a estrutura e os recursos para essa área, você tem que resolver os problemas com o que tem, sabendo que pode fazer mais.

Samara Cristina trabalha no hospital há 12 anos e tem 13 anos de profissão

            Sempre gostei de cuidar de pessoas e da área da saúde, por isso escolhi ser médica, quando você melhora a qualidade de vida de um paciente, mesmo que você não tenha alcançado a cura, você se sente mais motivado.

            Acredito que um dos desafios seja um sistema de saúde em que os recursos se destinem para melhorias no tratamento, em medicamentos para o bem de todos os pacientes.

Sthephanie Moretti atua no Bezerra há dois anos e tem sete anos de profissão

            Meu pai era médico, ele foi minha influência na escolha da profissão, eu sempre o acompanhava isso então foi minha motivação.

            Acredito que a mudança e a troca entre pacientes e médicos são muito importantes porque a gente faz pouco e recebe muito.

            A psiquiatria me despertou a curiosidade, principalmente porque poucas pessoas dão a devida atenção, eu pensei que podia mudar isso. O maior desafio é a psicofobia que é a discriminação e o preconceito que existe em relação aos pacientes psiquiátricos.

Por: Cleber Benvindo
(Depoimentos cedidos a Assessoria de Imprensa do Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes)

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Campanha de Aniversário do Bezerra

         Estagiários da Facopp se reuniram para discutir as ações que serão tomadas para a divulgação da campanha do 38º aniversário do Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes que acontece no próximo dia 25.

Alunos se reúnem na Agência Facopp da Unoeste
         Os alunos, Gabriel Fernandes, Matheus Barros e Lucas Araújo visitaram a entidade na quarta-feira dia 9 e se reuniram na sexta (11). O objetivo foi conhecer melhor o trabalho da entidade para produzir uma campanha buscando a sensibilização da sociedade diante dos serviços que a instituição realiza.

         A Campanha será feita pelos estagiários da Agência Facopp da Unoeste, já as ações de comunicação interna pelo estagiário do Laboratório de Publicações Jornalísticas (ECO), Cleber Benvindo. O encontro e a reunião tiveram por objetivo a preparação e o compartilhamento de ideias e informações.

         O próximo passo é a aprovação da campanha pela diretoria da entidade na quinta (17). A diretora clínica, Michelle Salione e o atual diretor administrativo, Mauro Galhine, se mostraram bastantes dispostos com o trabalho.

Laboratórios

         O Laboratório de Publicações Jornalísticas (ECO) é supervisionado pela jornalista e professora Giselle Tomé. Ele oferece oportunidades para os estudantes na área do Jornalismo que passam a realizar a Comunicação Interna e divulgar informações das entidades pertencentes ao Terceiro Setor de Presidente Prudente. 

         A Agência Facopp é supervisionada pela professora Silvia Fraga. A agência produz campanhas publicitárias e oferece várias oportunidades de estágios aos alunos da Faculdade de Comunicação Social da Universidade do Oeste Paulista (Unoeste).

Por: Cleber Benvindo (Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa do Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes)

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Dia Mundial da Saúde Mental

            Hoje é o Dia Mundial da Saúde Mental, a data marca um momento importante para a reflexão e também para a busca de avanços das políticas públicas nessa área e de uma sociedade livre de preconceitos.

            Segundo a médica psiquiatra, Tatiana Del Poço, embora a Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) não tenha medido esforços para diminuir o preconceito, ele ainda existe. “As pessoas precisam entender que é uma doença como qualquer outra e que tem tratamento”.

            Um dos fatores que envolvem a recuperação dos pacientes é a descoberta precoce da doença, além de equipes multidisciplinares que garantam este trabalho envolvendo as diversas áreas.

            Em Presidente Prudente o Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes conta com médicos psiquiatras, psicólogos, terapeutas ocupacionais, assistentes sociais, enfermeiros e é responsável pelo atendimento de 45 cidades do oeste paulista.

            O trabalho no hospital é integrado, além da terapia ocupacional, existe o incentivo a leitura, terapia assistida por animais, horta e atividades como futebol e marcenaria.

            A família também recebe suporte. Segundo a assistente social, Tassiany Maressa, ela realiza duas vezes por semana grupos com as famílias. “O objetivo, além de resgatar e fortalecer o vínculo familiar é envolver a família no tratamento dos pacientes”.


            De acordo com a médica psiquiatra Samara Araujo e Tathiana Del Poço, o financiamento voltado a Saúde Mental no Brasil, por ser desigual precisa de uma revisão e impede avanços. “As mudanças são importantes, mas a forma que o financiamento voltado para a área é realizado está errada, ainda precisamos avançar e de forma mais completa”, afirma Del Poço.

Por: Cleber Benvindo
(Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa do Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes)

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Bezerra realiza doação de roupas

            O Hospital Bezerra de Menezes de Presidente Prudente irá realizar amanhã, às 9h, uma doação de 12 sacos de roupas e mais de 50 cobertores para duas instituições.

            As doações serão direcionadas ao Esquadrão da Vida em Prudente e para a Paróquia Nossa Senhora Aparecida do Parque dos Pinheiros em Álvares Machado.

            O objetivo é colaborar com essas entidades que realizam um trabalho importante com pessoas carentes desses bairros.

            Segundo a terapeuta ocupacional, Ligia Copetti, a doação é possível graças à colaboração da comunidade que neste ano realizou uma grande quantidade de doações para o hospital durante as campanhas do agasalho.

Por: Cleber Benvindo
(Notícia disponibilizada pela Assessoria de Imprensa do Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes de Presidente Prudente)